O Conselho Superior da Justiça do Trabalho instituiu o Grupo nesta quinta-feira (24).

Fachada do edifício-sede do TST

Fachada do edifício-sede do TST

25/02/22 – O Conselho Superior da Justiça do Trabalho (CSJT) instituiu um grupo de trabalho com o objetivo de realizar estudos e de propor ações, projetos e políticas institucionais voltadas à valorização e ao fortalecimento institucional da Justiça do Trabalho. O ato de constituição do grupo foi assinado nesta quinta-feira (24) pelo presidente do CSJT e do Tribunal Superior do Trabalho, ministro Emmanoel Pereira.

Poderão ser convidar pesquisadores, professores, estatísticos, representantes de entidades de classe e outros profissionais para discussão e obtenção de dados estatísticos e informações úteis e necessárias para o atendimento dos objetivos propostos. 

A criação do grupo leva em consideração a Resolução  325/2020 do Conselho Nacional de Justiça (CNJ), que determina que a execução da Estratégia Nacional do Poder Judiciário para o sexênio 2021-2026 busque concretizar os Objetivos de Desenvolvimento Sustentável da Agenda 2030, aprovados pela Organização das Nações Unidas. Também foi considerado o Objetivo 16 da Agenda 2030, que trata do acesso à justiça por meio de instituições eficazes, responsáveis e inclusivas em todos os níveis, e o macrodesafio do Poder Judiciário para o sexênio 2021-2026, que trata do fortalecimento da relação institucional do Poder Judiciário com a sociedade. 

Ainda foram apresentados à Presidência do Tribunal Superior do Trabalho, por representantes de Tribunais Regionais do Trabalho e da magistratura, a necessidade de adotar estratégias e ações voltadas ao fortalecimento institucional da Justiça do Trabalho. 

(NV/CF)

 

0 respostas

Deixe uma resposta

Want to join the discussion?
Feel free to contribute!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *